A Disfunção eréctil Moderado é quando há a intumescência ou fases de ereção em certas circunstâncias, assim é possível que haja sinais que o homem não perceba. A capacidade de deixar o membro erétil pode fazer o homem negligenciar a questão.

Disfunção erétil moderada e seus sintomas

Para exemplificar uma situação onde há problemas de ereção moderados é só pensar quando um homem tem boas ereções pela manhã e à noite, é um sinal de que suas artérias e nervos, isto é, todo o circuito físico necessário para uma ereção funciona. Isso significa que o corpo do dele está bem.

Disfunção erétil moderada - Sinais que você pode não estar vendo!

Então, o corpo funciona, mas a ereção para no momento da penetração. A resposta é provavelmente óbvia: por causa do estresse. Se ele está ansioso no momento da penetração, desencadeia uma descarga de adrenalina e desde que a adrenalina é um hormônio anti-ereção, a ereção não acontece.

Distúrbios da ereção que chegam em certos momentos

Esse estresse no momento da penetração é causado pela chamada ansiedade de desempenho. O homem tem medo de não ter sucesso no momento da penetração, e é nesse momento que o estresse é máximo, porque ele diz para si mesmo: “É necessário que eu chegue lá”.

É esse pensamento que causa estresse e a falta de ereção suficiente. O problema é que essa falha aumenta o estresse. Durante o próximo encontro sexual, ele pode se sentir mais ansioso quando pensa: “A última vez que não cheguei lá, hoje tem que funcionar…”. Uma pressão é adicionada e ele entra em um círculo vicioso de estresse e colapsos.

Isso é muito comum entre os homens, às vezes a partir de um simples colapso ocasional devido à fadiga, por exemplo. Alguns homens dormem em silêncio dizendo: “Vai ser melhor amanhã, eu não estava em forma, é tudo”, e suas ereções continuarão a ser boas depois. Outros homens dizem, por exemplo: “Tenho 53 anos e se minha vida sexual está parando… Se minha esposa acha que eu não a quero mais ou estou traindo ela…”. Entram nessa ansiedade de sucesso que gera essas falhas repetidamente.

Se isso ocorrer ocasionalmente não se trata de disfunção erétil moderada, no entanto mais de 3 meses é necessário tomar providencias para evitar que se torne algo permanente.

Problemas de ereção: o que você pode ser feito

Primeiro, durante as caricias sexuais, evite a penetração por um tempo, pelo menos de uma a três semanas. Essa quebra permite encontrar ereções normais sem esse estresse relacionado à penetração e o homem recupera a confiança em seu corpo, encontrando o prazer dos jogos sexuais… Incluindo com prazer e orgasmos.

Estimule-se ainda mais. Com a idade, a ereção não só se torna mais lenta, mas também requer mais estimulação sensorial, carícias, para alcançar a mesma qualidade e permitir uma relação sexual satisfatória.

Para que a ereção ocorra em um homem, sua parceira ou parceiro deve estar ativo. Isto é muito importante, porque os homens cujos companheiros não acariciam podem pensar que têm disfunção erétil, quando é simplesmente uma falta de adaptação do casal a mudanças nas fases da vida.

Outras dicas são evitar álcool, alimentos açucarados, se cobrar demais, realizar masturbações e não ter vergonha de falar com ela / ele.

Se esta situação se tornar problemática, o homem pode consultar um especialista. O médico pode prescrever um medicamento para estimular a ereção. Isso permitirá que ele recupere a confiança em si mesmo, e ele pode rapidamente passar sem isso. Se o estresse não estiver envolvido, este tratamento estimulante tem 70% de chance de ajudá-lo a encontrar uma ereção satisfatória.

É possível utilizar medicamentos, vale a pena usar esporadicamente a ajuda de uma medicação para ereção, como Sildenafil (Viagra), Vardenafil (Levitra) ou Tadalafil (Cialis). Esses remédios melhoram as ereções e têm um “efeito de estrangulamento” para reviver a máquina erétil. Algumas relações de sucesso (com penetração) restauram a confiança, evitando que o estresse se manifeste.

Se isso não for suficiente, um check-up médico pode ser necessário. De fato, o estresse pode ser adicionado a outros problemas que tenham uma influência negativa na ereção e, às vezes, é necessário detectar esses outros problemas para tratar de forma permanente.

 

 

 

Disfunção erétil moderada – Sinais que você pode não estar vendo!
Vote nesta página