A grande parte da disfunção erétil tem uma origem psicológica. Isso significa que, no nível fisiológico, o homem está perfeitamente bem e sua parte mental ou emocional é o que faz com que sua resposta sexual não seja a desejada. Aqui estão alguns conselhos psicológicos para enfrentar a situação.

O objetivo em um nível psicológico sempre será a regulação emocional. Quando a disfunção erétil é psicológica, há uma emoção (ou várias ao mesmo tempo, mas geralmente é a que mais predomina) que bloqueia a resposta sexual. A emoção negativa mais relacionada aos problemas de ereção e ansiedade. Portanto, tudo que o homem pode fazer para regular sua ansiedade ajudará a resolver a disfunção erétil.

A influência da ansiedade em casais

A ansiedade é experimentada pelo homem de várias maneiras: como preocupação, opressão, incerteza, angústia, etc. Mas, em geral, é a mesma base comum: medo de perder uma ereção quando é hora de ter um relacionamento sexual. A ansiedade é o sintoma do medo.

A emoção pode ser regulada ou abordada a partir de duas frentes: a mental e a sensorial.

No nível mental, os pensamentos que a pessoa tem irão desencadear ainda mais a ansiedade ou fazer com que ela diminua. É por isso que o homem deve mudar seus pensamentos negativos e catastróficos e redirecioná-los para os mais positivos e otimistas.

Quando o homem antecipa que ele terá um relacionamento sexual, se ele sofre com problemas de ereção, o primeiro pensamento é geralmente do tipo: “você vai ver, eu não vou ter uma ereção, não vai dar certo”. Outras vezes eles só têm a forma de dúvida: “E se eu perder minha ereção?”.

Pensamentos negativos

É muito importante refutar o pensamento e começar a duvidar. Pensa: “Bem, eu não sei o que vai acontecer, veja como é. Vou esperar, ver como vai.” E, neste ponto, a atitude é importante e muda o foco da atenção: concentre a atenção no prazer.

A orientação psicológica mais importante é mudar o objetivo: não ajuda a ir a uma relação sexual à procura de uma ereção para realizar uma relação sexual. Trata-se de se concentrar em aproveitar, no prazer que a pessoa gera o encontro sexual com o casal.

Aqui, nos aproximamos da emoção do outro plano, o sensorial. De que maneira? Concentrando-se muito nas sensações do corpo, nas sensações de prazer. Quando o homem está muito focado no tamanho da ereção, ele perde de vista outros estímulos e sensações prazerosas que, precisamente, são o que podem levá-lo a ter uma ereção.

Portanto, a abordagem é “Eu não me importo com a ereção que tenho, com o que estou sentindo e com o que estou sentindo”.

Disfunção erétil emocional: Mindfulness

Para conseguir isso, recomenda-se mindfulness ou full awareness. Essa técnica é muito útil nesses casos, porque ajuda a otimizar a experiência do momento. Trata-se de se concentrar nas sensações que se tem e não julgá-las, simplesmente vivê-las. Por que ajudar? Porque permite estar com todos os sentidos na situação presente e experimentar o prazer sexual que é naturalmente experimentado quando uma pessoa tem diante da pessoa de quem gosta.

Em resumo, quando você tem a pessoa que você gosta e você tem certeza de si mesmo. Você não se importa se você vai ter disfunção erétil emocional ou não, mas você fica focado em se divertir e fazer. Aproveitar o seu parceiro, o objetivo é alcançado. A verdade é que o objetivo é desfrutar do sexo, o objetivo não é ter um certo tamanho de ereção.

Se o parceiro valoriza muito a penetração, faça com que a pessoa comece a lhe pedir outras práticas, você pode “enlouquecer” ela com outras coisas que você faz. Você pode ter ideias em uma sex shop ou ler livros ou artigos das práticas que as mulheres gostam. 

Ganhando impulso para o prazer

Você ainda pode recorrer a uma “ajudinha” para ter mais chances de não ficar com a libido abalada, um tratamento natural que pode condicionar seu corpo a ter ereções sem nenhuma dificuldade é BlueCarps Turbo.

Esse suplemento é feito de maca peruana, uma planta que já é conhecida por tratar casos de impotência, mas difícil de ser encontra na forma natural. Conheça mais Bluecarps Turbo:

Bluemaxxxx é mais uma sugestão natural, mas atua como vasodilatador para que os vasos cavernosos que compõem o pênis fiquem mais firme e potente. Você conhece mais sobre esse produto no próximo botão: